terça-feira, 29 de março de 2011

Capitão América, a moto do filme Easy Rider

Essa é a moto Capitão América, do filme Easy Rider. Filme que marcou a música Born To Be Wild como o hino dos motociclistas no mundo todo. Estrelado por Peter Fonda e Dennis Hopper, Easy Rider fez história em Hollywood.


No dia 17 de julho de 1969, estreou nos EUA o filme "Easy Rider", clássico da geração hippie. Com direção de Dennis Hopper e música dos principais grupos de rock da época, o filme foi um sucesso mundial. “Sem Destino” é um clássico entre os cult movies. Conta a história de dois rapazes que estão viajando de motocicleta de Los Angeles para New Orleans, nos Estados Unidos para fazer uma parada de drogas. Billy é interpretado por Dennis Hooper, também diretor do filme, e Peter Fonda personifica Wyatt. Durante o percurso, a dupla faz uma parada numa comunidade hippie e acaba atrás das grades. Lá, os motoqueiros conhecem o jovem advogado George Hanson, vivido por Jack Nicholson, um alcoólatra de boa família e modos um tanto vulgares. Por causa de seus cabelos longos, os dois viajantes são discriminados. No final do filme, os motoqueiros são abatidos a tiros por rednecks reacionários.



Um fim pré-programado. O advogado Hanson diz que "Wyatt e Billy eram a favor da liberdade e precisavam ser eliminados". Em julho de 1969, o filme estreou no Teatro Beekman, em Nova York. Os jovens, descalços, aglomeravam-se pelos corredores. Nos banheiros, o cheiro de maconha era inconfundível. Nunca o teatro havia abrigado tal público. O mundo descrito em Sem Destino, que retrata os anseios e os sentimentos de grande parte da geração americana do final dos anos 60, desencadeou reações adversas. O jornal The New York Times publicou uma carta na qual um leitor escreveu que o filme era o cúmulo do mau gosto. Os opositores mais radicais aplaudiam com veemência durante a cena final, quando os dois protagonistas morrem de forma brutal. Sem Destino teve ainda sua exibição proibida em dois estados americanos.



Na época, Peter Fonda declarou que seu personagem representava aqueles que sentem que a liberdade pode ser adquirida, que acreditam ser possível encontrar a liberdade em cima de uma moto ou fumando um cigarro de maconha. Sem Destino exibe os rebeldes, assim como toda a juventude alternativa, como vítimas da soberana sociedade americana. O filme foi rodado em sete semanas com um orçamento de 500 mil dólares. O dinheiro foi recuperado com a bilheteria de um cinema em apenas uma semana de exibição. O longa-metragem arrecadou mais de 19 milhões de dólares. Vale lembrar que nenhum grande estúdio apostou no sucesso de Sem Destino, um filme que divulgou o melhor do rock dos anos 60 e, segundo o crítico Buck Henry, abriu as portas para uma nova geração.EASY RIDER - SOUNDTRACKO filme conta com um trilha sonora memorável, com grandes nomes do rock na época, like Jimi Hendrix com a música “If Six Was Nine”, Fraternity Of Man, The Byrds com “Wasn’t Born To Follow”, e contribuições de Roger McGuinn, uma delas é a importante “Ballad Of Easy Rider”, e a mais que clássica, o hino dos motoqueiros: ”Born To Be Wild” do Steppenwolf, consagrada exatamente pelo filme. Outra canção também do Steppenwolf, aparece no álbum na ótima faixa de abertura “The Pusher”.


Abaixo, Peter Fonda em uma réplica da Capitão América.



Abaixo, o cd com a trilha sonora do filme.

01- Steppenwolf - The Pusher
02- Steppenwolf - Born to be Wild
03- Smith - The Weight
04- The Byrds - Wasn't Born to Follow
05- The Holy Modal Rounders - If You Want to be a Bird
06- Fraternity of Man -
Don't Bogard Me
07- Jimi Hendrix Experience - If Six was Nine
08- Electric Prunes - Kyrie Eleison Mardi Gras
09- Roger McGuinn - It's Alright Ma (I'm Only Bleeding)
10- Roger McGuinn - Ballad of Easy Rider



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário